Estranhou o título dessa matéria? Mas é a mais pura verdade. Hoje o mercado foi surpreendido com o anúncio de que Sergipe receberá uma nova fábrica de automóveis. Trata-se da Amsia Motors, uma parceria da Arábia Saudita com a China para produzir veículos elétricos e híbridos. Será investido R$ 1 bilhão na fábrica. Tudo isso de acordo com o protocolo de intenções assinado hoje entre o governo do Sergipe, representado pelo governador interino, Jackson Barreto de Lima, pelo presidente da Amsia, Mustafa Z. Ahmed, e o príncipe da Arábia Saudita, Faisal Al Saud, investidor. O detalhe: a Amsia não tem nenhum produto.

 

Vá às páginas oficiais da empresa. No www.amsiamotors.com, em produtos, só há desenhos. Não se sabe se são de futuros projetos da Amsia ou meros exercícios de criatividade. No blog amsiamotorsglobal.blogspot.com.br, há mais imagens, todas elas na galeria de imagens. Note que existem pouquíssimas fotos. E todas elas trazem o emblema da empresa colocado de um modo muito amador nas imagens. Que são de carros de outras empresas. Exemplo é o Amsia Morando, um Ssangyong Rexton com emblema da Amsia. Ou o Amsia Komi, nada menos do que um Effa M100. Nos blogs da América do Sul (amsiamotorsouthamerica.blogspot.com.br) e da África (amsiamotorsafrica.blogspot.com.br), que têm o mesmo conteúdo, nada de nada.

 

A única coisa realmente original da empresa é o nome, que não soa nada bem em português. E o Selvo S30, uma mera projeção. Não tem foto do carro. Não tem medidas, motor, especificação, nada. 

 

Estranho é que gente muito séria deu atenção ao caso, como o Jornal Valor Econômico, Folha de S.Paulo e Uol, mas, até o momento, não vemos motivo para muito alarde. Não tem produto, não tem fábrica, só notas da Agência Sergipe de Notícias convidando a imprensa para a solenidade. Em um Estado sem parque de fornecedores. Deve ter sido um festão.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário
Insira seu nome aqui