Com mudanças feitas por meio de uma nova resolução do Contran (Conselho Nacional de Transito) publicada no Diário Oficial na sexta-feira (18), o Renault Twizy agora pode ser emplacado no Brasil.

[interlinks]

O elétrico francês passou a ser classificado como um quadriculo elétrico com permissão para circular em vias públicas, desde que esteja devidamente emplacado como outros carros. É provável que ele necessite de placas apenas na traseira, como ocorre com as motocicletas.

Algumas unidades do Twizy são produzidas no Brasil pela Itaipu Binacional com o objetivo de estudar quais componentes podem ser nacionalizados , desta maneira, a Renault e a Itaipu conseguem estudar maneiras de diminuir os custos do pequeno elétrico para o consumidor brasileiro.

Renault Tiwzy [19]

Com apenas 2,33 metros de comprimento e 1,18 metros de largura, o Renault Twizy carrega apenas duas pessoas, sendo o banco do passageiro posicionado logo atrás do motorista. Ele conta com um motor elétrico com potência na casa dos 20 cv e autonomia total de 100 km, na medida para centros urbanos movimentados e deslocamentos diários com custo baixo.