Polivalente como toda boa bigtrail, a nova BMW R 1200 GS Adventure foi lançada no Brasil na última quinta-feira (24). Variação da R 1200 GS, ela começa a ser vendida no país ainda em abril em versão única, com preço de R$ 87.900. Segundo a BMW, a versão nacional vem equipada de série com todos os itens oferecidos como opcionais na Europa.

DSC08580

Além do visual reestilizado, que deixou a moto mais imponente, em relação ao modelo base a Adventure recebe diversos equipamentos que auxiliam em uma condução por estradas e terrenos acidentados. Na lista, destacam-se o tanque aumentado em dez litros (30 litros no total), spoiler frontal alongado, suporte de malas na lateral, barras de proteção para o motor, para-brisa maior e manetes e bancos ajustáveis. Dentre as opções de cores, a novidade é a verde oliva, que deixa a Adventure com aspecto de moto militar.

Na parte mecânica, a moto segue a receita básica da R 1200 GS. O motor boxer de dois cilindros e 1.170 cm³, que gera 125 cv de potência e 12,5 kgfm, ganhou um virabrequim 950 gramas mais pesado para reduzir vibrações e melhorar o torque em baixas rotações.

DSC08582

Ainda sobre a mecânica, outra diferença está na suspensão, que teve sua geometria alterada de forma deixar a moto 20 mm mais alta e com mais 15 mm de distância do solo. Além disso, conta com o sistema de gerenciamento semiativo Dynamic ESA (Electronic Suspension Adjustment), que realiza ajustes de acordo com as imperfeições do terreno.

A moto possui cinco modos de condução: standard, Rain, Road, Dynamic, Enduro e Enduro Pro, que gerenciam a potência do motor, a rigidez da suspensão, os freios ABS e o controle de tração.

Em movimento

O AUTOPOLIS experimentou a Adventure durante o evento de lançamento, na Fazenda Capuava, em Indaiatuba (SP). Foi uma avaliação curta (incluindo seis voltas no circuito de asfalto e cerca de dez minutos em uma trilha de terra) mas suficiente para ter um primeiro contato com as características da moto.

1R 1200 GS Adventure (3)

A primeira observação foi em relação às alterações do virabrequim, que ficou mais pesado. Realmente o motor funciona de forma mais suave e o torque melhorou não apenas nas rotações mais baixas como em todas as faixas de giro. Em trajetos off-road o maior torque em baixa melhorou sensivelmente o controle.

A nova geometria das suspensões, que deixaram a nova Adventure mais alta, permitem transpor obstáculos com mais facilidade e tornaram a pilotagem mais ágil.

1BMW-GS1200_MCJ_6802

Merecem também destaque os cinco modos de condução, que realmente mudam o comportamento da moto. Na avaliação que realizamos, foram usados os modos Rain (para piso molhado), Road (para pistas asfaltadas), Dynamic (dinâmico) e Enduro (para trilhas off-road). Somente o Enduro Pro, indicado para uso com pneus cravados, não foi testado. Em cada um deles, as respostas ao acelerador, a atuação do controle de tração e do ABS, assim como os ajustes da suspensão, mudam de forma proporcionar melhor dirigibilidade nas diversas condições de uso. No caso do modo “Enduro”, por exemplo, o motor acelera de forma mais suave e o controle de tração demora um pouco mais para atuar, aumentando o controle na lama escorregadia.

1BMW-GS1200_MCJ_6586

A nova BMW R 1200 GS Adventure teve uma nítida evolução em relação à sua predecessora, incorporando boa ciclística e tecnologia para continuar como uma das melhores bigtrail do mercado. Pronta para encarar qualquer terreno.

Com reportagem de Vandir Mazzoni, de Indaiatuba (SP)

COMPARTILHE
AnteriorBMW i8
SeguinteCupê baseado no Jetta é fotografado sem disfarces
Marcelo de Queiroz
Empresário do setor de tecnologia da informação há 18 anos, sócio fundador da Ávoq Editora. Formado em Ciências Jurídicas e Sociais pela PUC Campinas, possui pós-graduação e MBA em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas e é Jornalista especializado no setor automotivo (MTB 58686/SP).

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário
Insira seu nome aqui